quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Sexto Dia

Assumir nossos erros é a coisa mais difícil de se fazer.

Aprendi hoje (apesar de já ter ouvido muitas vezes isso):

"Existem mil maneiras de dizer uma única coisa."

Pense nisso.

Quinto dia

"Bem aventurados os limpos de coração, pois esses verão a Deus."

Pureza, santidade, devem fazer parte da vida daqueles que desejam servir a Deus.
A obra Dele não pode e nem tem como ser feita na força do braço ou simplesmente por uma boa intenção, deve haver fé, novo nascimento.

Quarto dia

Uma das coisas que mais temos que tomar cuidado é o que temos escutado.
Durante nossa jornada, isso é determinante.
Se escutarmos e nos deixarmos contaminar pelas dúvidas das pessoas, pelos maus olhos, pelas suposições, enfim, se vivermos pelos olhos dos outros, ou pelo que os outros acham, estamos perdidos.

No meio desse vale, decidi: não quero saber de nada. Vou olhar para o meu alvo (o monte, o cume do monte).
Não me interessa se fulano, se siclano, fez ou deixou de fazer, de falar, não me interessa. Vou seguir em frente.
Fácil?! Não é.
Mas vou lutando, e buscando em Deus.


quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Terceiro dia

"Então, lhe disse o SENHOR: Por que andas irado, e por que descaiu o teu semblante? Se procederes bem, não é certo que serás aceito? Se, todavia, procederes mal, eis que o pecado jaz à porta; o seu desejo será contra ti, mas a ti cumpre dominá-lo." Gn 4.6-7

Essa foi a palavra dada na primeira reunião de auxiliares que participei.


Já li esse versículos várias vezes mas tirei 3 novas lições:


Primeiro: Não devo andar com o meu semblante caído. Só anda de semblante caído que não procedeu corretamente.

Segundo: Há uma promessa à aquele que procede bem: ser aceito. E é CERTO! 
Observação: E quem disse isso foi o próprio Deus.

Terceiro: Nós temos desejos, fazemos planos, mas a resposta do Senhor vem. Muitas das vezes nossos desejos não são os de Deus, e podem ser uma porta ao pecado.

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Segundo dia

Acordei com essa música mas não lembrava muito dela, "googlei" e encontrei.


Ela fala de todo o nosso trabalho durante todo esse ano. Não me arrependo de nada, afinal, "a minha glória é fazer com que conheçam a Ti, e que diminua eu pra que Tu cresças Senhor, mais e mais"



A mensagem de ontem

Ontem meu versículo da caixinha de promessas dizia: "Ainda que ande pelo vale da sombra e da morte, não temerei mau nenhum."



Logo a noite veio a notícia.


O vale.


Bem.... 
Hoje o versículo foi: "Entrega seu caminho ao Senhor, CONFIA NELE, e o mais Ele fará."


E vamos nessa fé.


Pregamos, e devemos viver o que pregamos. É nosso dever. Afinal, vivemos PARA ELE.




Versiculo

TUDO coopera para o bem daqueles que amam a Deus.



 E é nessa fé que eu vou!

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

O Deus que me vê

Durante uma construção em Washington D.C., um visitante parou para observar um velho escultor que trabalhava CAPRICHOSAMENTE em sua obra de arte. O visitante ficou sabendo que, quando aquela peça esculpida fosse colocada no lugar, ficaria perto da parede, onde não seria vista por ninguém.

"Por que você está se esforçando tanto em uma coisa que ninguém nunca verá?", perguntou o admirado observador.
"Deus vai vê-la", respondeu o escultor.

Nosso Deus é um Deus que tudo vê! As vezes (ou muitas das vezes) preferimos colocar nossos erros e falhas as sombras, em um cantinho, contra parede - em qualquer lugar em que fique fora de vista. Às vezes conseguimos esconder aquilo que queremos esconder das outras pessoas, mas nunca o escondemos do olhar penetrante e purificar de Deus: "Os olhos do Senhor estão em toda parte, observando atentamente os maus e os bons" (Provérbios 15.3)
Mas há outras ocasiões quando, como Hagar, ficamos maravilhadas e agradecidas e pelo Deus que vê. Os problemas que enfrentamos e que ninguém mais compreende - Deus vê. A dor que sentimos - Deus vê. As tarefas que realizamos pelas quais ninguém nos agradece nem nos dá tapinhas nas costas - Deus vê.



Muitas pessoas esquecem isso e fazem as coisas de qualquer jeito.

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

A medalha

Meu esposo e eu acompanhamos algumas das competições que aconteceram recentemente.
Meu marido dizia: Como pode ele dizer estar satisfeito com o resultado se ele não alcançou o objetivo: a medalha?
Poxa, uma pessoa só faz aquilo, só trabalha para aquilo, treina durante horas, por anos, para chegar na competição e "ficar satisfeita com o resultado"? Ou então errar?


É como a gente que está no altar. Não podemos errar, não temos mais tempo pra isso. 
Fomos chamados PARA DEDICAR TODA A NOSSA VIDA em prol das almas! Nós 'só' fazemos isso! Como podemos aceitar uma igreja vazia, sem testemunhos?!
Nós 'só' fazemos isso!

Agora temos que avaliar se estamos colocando TODA A NOSSA FORÇA para o chamado Dele pra gente.
Lembre-se: fomos chamados somente pra isso.
Não para ficar de bobeira.

Daí a diferença.....
Daquele que se faz um APROVADO e daquele que não é.

O Cantinho da Mulher de Deus © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO