segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

As vozes

Diariamente nos vemos aceitando ou negando as vozes que sopram palavras em nossos ouvidos.



É uma maldição lançada.
É algo que dá errado e logo uma voz que diz "que você não irá conseguir mesmo."
É uma palavra diga de alguém que você não espera ou de quem você ama! Uma palavra de consolo ou de destruição ou até mesmo de elogio (pois um elogio pode nos levar à uma zona de conforto que consequentemente nos levará a destruição)
São vozes que invadem o pensamento, assim como as aves de rapina que voavam sobre o sacrifico que Abraão apresentava.

Vozes e mais vozes....

Mas sabe a única voz que temos que dar ouvidos?

A voz da verdade.
A palavra de Deus.
365 vezes a Bíblia diz "Não temas", então porque vou temer?
Ainda diz: "Se uma mãe esquecer do filho EU jamais esquecerei de você."


Muitos creem mais na mentira do diabo do que na verdade de Deus.


Dê ouvidos a voz da fé. Tenha seus pensamentos no Alto, com as coisas do Alto e Ele sendo fiel e verdadeiro irá te responder.

Mesmo que você até tenha pecado, há promessas de perdão para aquele que se arrepender de TODO O CORAÇÃO. (Lembre-se: DE TODO O CORAÇÃO)


Fique na fé,


sábado, 17 de dezembro de 2011

O Justo

É muito forte.


"Eu nunca vi um justo, desamparado ser
Nem sua descendência a mendigar o pão
Eu nunca vi alguém que confiou em Ti
E não viu, manifestar o Teu poder."

Mas que é o justo?
Você diz: aquele que crê em Deus.

NÃO!!

O justo é aquele que é dependente única e exclusivamente de Deus.


GRAÇAS A DEUS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!


O mundo pode te falar que pra você não tem mais jeito mas Deus é o Deus dos impossíveis. E se você tem sua vida nas mãos Dele e confia somente Nele, Ele é fiel e justo pra te responder.

Derrepente você tem se perguntado porque você está desamparado. Mas ai eu te pergunto: Será que você entregou toda a sua vida pra Deus? 
Será que realmente você tem sido justo? Ou somente  tem crido, você só mudou de denominação ou de religião e carrega hoje o título de cristão mas na verdade não é.


Forte, não é mesmo?

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

O servir II

Lembro-me de uma grande mulher de Deus que conheço, a Janaina. Uma garota muito ativa. Muito trabalhadora.

Passado alguns meses que estava casada ficou sabendo que estava de mudança para fora do Brasil e que teria que ir para Brasilia ficar lá por 4 meses.
Ela ficou muito feliz mas, como ela, uma mulher tão ativa se comportaria?
Ela me disse: "Dani, não importa se não estou ainda na igreja, não é por isso que vou ficar parada. No caminho de volta pra casa vou evangelizando. Separo alguns materiais e evangelizo no metrô e tal."

Quantas não são as pessoas que estão esperando estar de esposa de pastor para ajudar e ganhar almas.

Se você diz querer servir a Deus, você deve começar já!
Atender o povo, orar, evangelizar, fazer visitas, etc, são coisas que não dependem de você estar de esposa.
E outra, se você diz querer fazer a obra mas, não orienta o povo, quem dirá quando você estiver casada com um pastor (se é que você vai casar).


O nosso maior problema está dentro da gente. Lutamos todos os dias contra vários tipos de sentimentos, emoções e as forças satânicas.
Temos que vencer nós mesmos.
Conheço um pastor que costuma dizer: Os títulos só nos atrapalham.
E muitos no afã de querer um titulo esquecem de fazer a vontade de Deus somente para fazer a obra de Deus.


E você, tem feito a vontade de Deus ou a obra de Deus?

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

Enquanto espero

Enquanto espero não significa que estou parada.



video

O servir

Uma coisa que tenho aprendido nesses últimos dias é que, independente da situação, localização ou condição, todos nós podemos servir a Deus.
Servimos não um lugar, ou a uma pessoa, ou porque nos agrade de o fazer, não.
Quando temos o desejo sincero em servir ganhamos almas independente da condição.

Tenho escutado o seguinte:
"Poxa não posso nem orientar, reunir as obreiras. Me sinto uma inútil!"

Mas é interessante que, quem foi que disse que só ganhamos almas quando 'formamos grupos para orar', 'formamos grupos para evangelizar'. Será que fomos chamados somente para orientar as obreiras?


Alguma garotas que dizem querer fazer a obra de Deus já pensam em como será sua primeira reunião com as obreiras (ok, coisa que não está errado) mas, quem disse que sempre poderemos fazer reuniões?
Existem situações que seremos expectadoras, e por isso seremos inúteis?
NÃO.

Existe uma coisa que todo mundo pode fazer e mesmo que haja um decreto, uma lei, mesmo assim poderemos fazer: ORAR.
Orar pelo povo que está dentro e fora da igreja;
Orar pelos trabalhos realizados, orar pela obra;
Orar por tudo.
(Leia sobre Daniel e o motivo que o levou a cova dos leões)

Existe até uma pequena historinha que diz que:
No céu o Senhor Jesus recebeu a igreja e o Pastor estava todo feliz pois pensava que ia ser o primeiro a receber o galardão, pois a igreja onde ele estava, estava cheia.
Foi então a grande surpresa: O Senhor Jesus chama uma senhoria que sentava quietinha num banquinho lá de trás da igreja.
E então perguntaram do porque que aquela senhorinha havia recebido um galardão com tantas pedras. O Senhor Jesus respondeu:
"O igreja estava cheia, mas era ela quem sustentava cada pastor que ali passava. Cada trabalho de evangelização, ela era quem orava. Ela orou até mesmo pelo traficante que se converteu mesmo sem ter conhecido ele. Pelo doentes que nem ela podia saber que existia."

É....
Inúteis, só se nos fizermos.

continua.....

Ser servo

"Tende em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não julgou como usurpação o ser igual a Deus; antes, a si mesmo se esvaziou, assumindo a forma de servo, tornando-se em semelhança de homens; e, reconhecido em figura humana, a si mesmo se humilhou, tornando-se obediente até à morte e morte de cruz." Fl 2.5-8

Se o Senhor Jesus assumiu a forma de servo, imagine nós!

Ser servo não só de boca, mas de todo o coração.


O servos, antigamente, não tinham direito a nada e sobre a palavra de Deus ainda temos por grande alegria o poder usufruir da seguinte promessa:
"E aquele que me serve o Pai o honrará."

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Isso foi bacana!

Andando em circulos

Existem pessoas que VIVEM passando pelos mesmos problemas, VIVEM passando pelas mesmas situações.
Eu, particularmente creio que, essas pessoas estão andando em círculos. 


Andam em círculos aqueles que não conseguem (ou não querem) entender a vontade de Deus.
VIVEM procurando desculpas ou culpados pelos seus fracassos, ou ainda pelas situações que estão passando. É o tipo de pessoa que só consegue olhar para o seu próprio umbigo.


É difícil admitir um erro? Sim, é. Mas para quem é Nascido de Deus faz parte de seu caráter a humildade.
É difícil se calar quando estamos com a razão? Sim, é. Mas para o SERVO faz parte pois ele sabe que SEU Redentor Vive e que justificativas ou explicações não vão ajudar no seu crescimento espiritual. E creia, não ajuda.


Aprenda que situações acontecem para nosso crescimento espiritual. É a famosa frase "fazer do limão uma limonada."


E outra, se você não fez nada e mesmo assim levou um fogo, dê glórias a Deus pois Ele só repreende quem Ele ama. É uma sinal que Deus esta cuidando de você.


Mas será que você tem tido essa visão espiritual e aceitado a correção de Deus? Ou será que anda de cabeça baixa, choramingando. Fazendo assim você só tem mostrado o que esta dentro de você:

Imaturidade espiritual.

terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Décimo primeiro dia

"Eis aí vos dei autoridade para pisardes serpentes e escorpiões e sobre todo o poder do inimigo, e nada, ABSOLUTAMENTE, vos causará dano." (Lucas 10.19)

Absolutamente NADA pode destruir aqueles que tem como rocha o Senhor Jesus.

"Aquilo que não me destroi, ME FORTALECE!!!!!!"

Décimo dia


No desktop do note estava a foto do meu esposo fazendo uma reunião em Ubatuba



Dai uma revolta em mim bateu. A lágrima do meus olhos desceu.


Mas ao fundo, eu escutava essa música:

video

Tradução (por mim)


Todo meu louvor


Eu O seguirei pelos pastos verdejantes
E cantarei aleluia para Seu Nome
Eu O seguirei pelo desastre escuro
E cantarei aleluia atravessando a dor
E até mesmo na sombra de morte
Eu O louvarei
E até mesmo no vale eu direi
Santo, meu Deus
O Senhor é merecedor de todo meu louvor
Santo, meu Deus
O Senhor é merecedor de todo meu louvor
O Senhor está assentado em Seu trono no céu
E o Senhor nos vê aqui em baixo
E o Senhor prometeu não nos abandonar
Assim eu não temerei
E até mesmo na sombra de morte
Eu O louvarei
E até mesmo no vale eu direi
Santo, meu Deus
O Senhor é merecedor de todo meu louvor
Santo, meu Deus
O Senhor é merecedor de todo meu louvor
O Senhor fez todas as estrelas
E as ensinou a brilhar
O Senhor já sabia meu nome antes mesmo deu nascer
E tudo isso era só parte de Seu desígnio glorioso
Aleluia, Aleluia


segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Nono dia

Murmurar.


O povo de Israel murmurou muito. Nunca reconhecia seus erros, só murmurava e colocava a culpa nos outros.
Resultado: mais tempo no deserto do que deveria ter ficado.


Se mudarmos de postura diante das dificuldades, será que não veremos o resultado esperado?
Quantas não são as pessoas que por anos se vêem em um deserto (deserto que vai e volta) pelo mesmo motivo?
Você já parou para pensar em mudar de atitude?
Que tal parar de chorar?
Parar de se lamentar?
De se achar vitima?
De bater na mão e dizer: "Deus o Senhor vai fazer justiça. Fulano vai ter que pagar"


Os pensamentos de Deus são muito maiores do que os nossos.


Pra quem é de Deus até o que era pra dar errado dá certo. Mas para isso temos que andar na fé.
Sem reclamar. Sem choramingar. Sem esperar compaixão. Tapinha nas costas.

domingo, 4 de dezembro de 2011

A segunda reunião

"Os que com lágrimas semeiam com jubilo ceifarão.
Quem sai andando e chorando, enquanto semeia, voltará com júbilo trazendo seus feixes." Salmos 126. 5-6

Precisa dizer mais alguma coisa?


sábado, 3 de dezembro de 2011

Oitavo Dia

"Tudo nessa vida passa."

Mas não quero me focar nisso. Afinal, minha esperança está em Deus.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2011

Sétimo dia

Apesar da situação não ser agradável, estou muito feliz.
Ouvi o Bispo falando em fazer do limão uma limonada e notei que, seja o que eu for passar isso vai servir pra que eu tenha experiencias únicas com Deus.
Assumi ter uma visão diferente da situação que estou vivendo.
Não estou "chupando um limão" estou me deliciando em uma bela limonada.
Se no meio de nossas adversidades, tomarmos uma posição diferente, não de aceitação da situação mas da visão de que "tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus", não tem como dar errado!
Só que no meio das dificuldades duas coisas (péssimas) acontecem:
A pessoa murmura
Ou fica só chorando, usando o sentimento ao invés da fé.


Não adianta murmurar, colocar a culpa em terceiros.
Assim como também não adianta ficar perguntando chorando, "porque?".

Agir a fé, praticar o que tanto se tem ouvido, e Deus é fiel e justo para nos responder.

O Cantinho da Mulher de Deus © 2008. Template by Dicas Blogger.

TOPO